quinta-feira, 23 de junho de 2011

♥→ E tem dias...



Esperança de vida, tantas vezes contidas um dia aperta

Aperta bem fundo e me ergue do túmulo

Abre meus olhos, me traz a ternura perdida no caminho

Sossega minha alma acaricia meu coração

Brisa bate leve, bem leve roçando a minha pele, me fazendo adormecer

Mas tem dias que acordo vazia, como se me faltasse energia e algo chamado agonia me consume por dentro

Tem dias que acordo mais fria, espalho no chão trapos em roupas sem tanta paixão

Tem dias que meus lábios secam, minha boca amarga, minha alma te nega e eu deixo de fazer parte.

Mas se seus olhos na minha frente aparecem tudo volta a ter cor, o silêncio vira prece

Teu riso de pura magia me transportar pro aconchego de beijos...

Meus lábios umedecem, minha boca adoça, minha alma te chama e seus sorrisos me consomem por dentro, minha dor falece.

Enquanto meu coração AGRADECE.



Thatiana Vaz



Ouvindo: Bach Vivaldi - Baroque Violin D Minor

Imagem: weheartit

Um comentário:

Paula Moraes disse...

Tem dias que tbm acordo assim, adoro vir por aqui, me identifico muito, talvez por vc tbm ser sagitariana...=)
Sentimos demasiadamente, sofremos desesperadamente e amamos enlouquecidamente...rs Paasa lá no meu cantinho pra conhecer: paulamlima.blogspot.com
Bom feriado.
Bjs