sexta-feira, 10 de junho de 2011

♥→ Está em você




Está em você um sentido de alegria que nasce em meu peito e explode na minha boca, criando risos frouxos, soltos e imensos, que caem de mim por onde quer que eu passe. Independe se o dia estiver nublado ou não, você simplesmente chega com a imposição e petulância de um SOL e ilumina minha vida, meu caminho... Me aquece e me dá um sossego  bom, daqueles de rede,  de balançando ao vento com cheiro de terra molhada.

Está em você minha inspiração, minhas melhores palavras, tantas vezes caladas, tantas vezes rasgadas, muitas vezes molhadas por lágrimas que sempre acompanham os sentimentos nobres e intensos.

Porque viver com você tem sido assim juntos e distantes. Displicentemente entrelaçados num momento único que se chama vida. Nem sempre perto, nem sempre longe, porém sempre coesos dentro de um espaço chamado infinito, dentro de um amor prisma que divaga, filosofa e nutre meus rios com suas águas,  algumas vezes calmas, algumas vezes agrestes. 


Está em você um sentido único de um amor que renasce todos os dias, de uma paixão ousada que rompe limites entre tempo e espaço, entre lógica e emoção, entre meus  versos e metaversos, entre coração e coração.

E na minha boca o gosto da saudade enquanto mastigo estrelas entre borboletas que logo vão parar na minha barriga para esperar a sua volta.

Thatiana Vaz





Apocalyptica - Nothing Else Matters

2 comentários:

@Francisquices disse...

Eu penso que o seu namoro deve ser que nem o meu, essa 'distancia geográfica' que separa, somente em corpos físicos mais ligados coração em sentimentos em prazeres.

Eu acredito no amor, seja ele distante em corpo físico ou de perto.

Acredito no amor, quebra preconceitos de idade, religião ou classe social.

Acredito, porque eu vejo no amor algo forte e essencial em nossas vidas, acredito muito porque da gosto, da colorido, da vontade de viver.

Amando e acreditando... Acho que vivendo nisso, tenho a certeza que a passagem nesse vida foi últil em algo, fiz o que me deixou feliz.

ღ Sensitivity ღ disse...

Faço as palavras do Chico as minhas:

"Eu acredito no amor, seja ele distante em corpo físico ou de perto."

Muito bonito texto, você escreve muito bem.

Obrigada pela sua visita, volte sempre, pois será bem vinda. Beijinhos e um ótimo fim de semana.